Acessibilidade (0)
A A A
Youtube - OERN Facebook - OERN Linkedin - OERN
Logo OE
OERN servicos@oern.pt

ESPECIAL COVID-19: PROTEJA-SE E PROTEJA-NOS

26 de março de 2020 | Geral

Há engenheiros heróis que continuam a trabalhar para que todos possamos continuar a ter água potável, saneamento, recolha de resíduos, eletricidade, Internet, alimentos, medicamentos e tantos outros bens essenciais à nossa vida.

Para eles, no seu dia a dia, e também para todos os que, mesmo estando em casa, precisam de sair por algum motivo, relembramos algumas regras importantes:

Ao sair de casa

  1. Colocar um casaco de manga comprida;
  2. Prender o cabelo e evitar usar brincos, anéis, colares, entre outros acessórios;
  3. Evitar utilizar transportes públicos e caso seja necessário utilizá-los desinfetar as mãos, evitar tocar nos apoios e manter o distanciamento social;
  4. Se sair com o seu animal de companhia, tentar evitar que toque em superfícies externas;
  5. Usar lenços descartáveis para tocar nas superfícies e não reutilizá-los;
  6. Tossir ou espirrar para o interior do cotovelo;
  7. Evitar utilizar dinheiro. Se o fizer higienizar de seguida as mãos;
  8. Evitar tocar no rosto;
  9. Manter o distanciamento social.

Ao entrar em casa

  1. Higienizar as mãos com água e sabão durante pelo menos 20 segundos;
  2. Tirar os sapatos e casacos e deixá-los à entrada, bem como carteira, mala, chaves, entre outros objetos;
  3. Desinfetar trela e coleira e limpar as patas do animal de companhia com gel desinfetante;
  4. Tomar banho ou lavar bem todas as superfícies expostas (mãos, punhos, rosto, pescoço, etc.);
  5. A roupa deve ser colocada num saco plástico fechado no cesto da roupa;
  6. Higienizar o telemóvel e óculos (com água e sabão ou álcool);
  7. Limpar todas as embalagens que trouxe do exterior antes de guardar (utilizar luvas);
  8. Deitar fora as luvas e lavar as mãos.

Proteja-se e proteja-nos.

Há Engenharia onde há protecção!

 

 

Nunca é demais reforçar as informações sobre o novo Coronavírus – COVID 19, bem como as medidas de proteção recomendadas pelo Direção Geral da Saúde (DGS).

 

O que são Coronavírus?
Os coronavírus são uma família de vírus que podem causar infeções nas pessoas. Normalmente estas infeções afetam o sistema respiratório, podendo ser semelhantes à gripe ou evoluir para uma doença mais grave, como pneumonia.

 

O que é a COVID-19?
COVID-19 é o nome, atribuído pela Organização Mundial da Saúde, à doença provocada pelo novo coronavírus SARS-COV-2, que pode causar infeção respiratória grave como a pneumonia. Este vírus foi identificado pela primeira vez em humanos, no final de 2019, na cidade chinesa de Wuhan, província de Hubei, tendo sido confirmados casos em outros países.

 

Como se transmite?
A COVID-19 transmite-se por contacto próximo com pessoas infetadas pelo vírus, ou superfícies e objetos contaminados.

Esta doença transmite-se através de gotículas libertadas pelo nariz ou boca quando tossimos ou espirramos, que podem atingir diretamente a boca, nariz e olhos de quem estiver próximo.

As gotículas podem depositar-se nos objetos ou superfícies que rodeiam a pessoa infetada. Por sua vez, outras pessoas podem infetar-se ao tocar nestes objetos ou superfícies e depois tocar nos olhos, nariz ou boca com as mãos.

 

Qual o período de incubação?
Estima-se que o período de incubação da doença (tempo decorrido desde a exposição ao vírus até ao aparecimento de sintomas) seja entre 2 e 14 dias. A transmissão por pessoas assintomáticas (sem sintomas) ainda está a ser investigada.

 

Os antibióticos são efetivos a prevenir e tratar o novo coronavírus?
Não, os antibióticos são dirigidos a bactérias, não tendo efeito contra vírus. O COVID-19 é um vírus e, como tal, os antibióticos não devem ser usados para a sua prevenção ou tratamento. Não terá resultado e poderá contribuir para o aumento das resistências a antimicrobianos (antibióticos).

 

O que é um contacto próximo?
Os seguintes casos podem ser considerados como contactos próximos:
– pessoa com exposição associada a cuidados de saúde, nomeadamente a prestação de cuidados diretos a doente com COVID-19 ou o contacto em ambiente laboratorial com amostras de COVID-19 contacto em proximidade ou em ambiente fechado com um doente com COVID-19 (ex: sala de aula, escritório)

– pessoas que viagem com doente com COVID-19:

  • Companheiros de viagem
  • Num avião, as pessoas que estão dois lugares à esquerda ou à direita do doente, 2 lugares nas duas filas consecutivas à frente do doente e dois lugares nas duas filas consecutivas atrás do doente e tripulantes de bordo que serviram a secção do doente
  • Num navio, pessoas que partilharam a mesma cabine e tripulantes de bordo que serviram a cabine do doente

 

Quanto tempo o novo coronavírus sobrevive nas superfícies/objetos?
O novo coronavírus parece ter comportamento diferente de acordo com a temperatura ambiente. Do conhecimento atual, parece sobreviver em ambientes mais frios, cerca de 7 a 9 horas. Já em ambientes mais quentes parece sobreviver de 1 a 2 horas.

 

O novo coronavírus pode ser transmitido através de alimentos, incluindo os refrigerados e congelados?
Os coronavírus transmitem-se, geralmente, de pessoa para pessoa através de gotículas respiratórias. Atualmente, não há evidência que suporte a transmissão do novo coronavírus pelos alimentos. Antes de preparar ou consumir alimentos, é importante lavar sempre as mãos com água e sabão durante 20 segundos.

Como os coronavírus têm uma reduzida capacidade de sobrevivência em superfícies, o risco de transmissão por produtos alimentares ou embalagens, enviados num período de dias ou semanas à temperatura ambiente, refrigerada ou congelada, é reduzido.

 

O clima quente vai parar o surto de covid-19?
Ainda não é conhecido se o clima ou a temperatura afetam a propagação do COVID-19. Outros vírus, por exemplo os que causam gripe, têm uma maior propagação durante os meses mais frios. Contudo, isso não significa que não se fique doente devido a estes vírus durante os restantes meses.

De momento, não há evidência de que a propagação do novo coronavírus irá diminuir quando o clima ficar mais quente. Ainda ocorre investigação sobre o modo de transmissão, a gravidade e outras informações relacionadas com o novo coronavírus.

 

Como me posso proteger da COVID-19?
As medidas de prevenção são:
Distanciamento social;

Etiqueta respiratória:
– Tapar o nariz e boca quando espirrar ou tossir
– Utilizar um lenço de papel ou o braço, nunca com as mãos
– Deitar o lenço de papel no lixo
– Lavar as mãos sempre que se assoar, espirrar ou tossir

Reforçar as medidas de higiene:
– Lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou com uma solução de base alcoólica
– Evitar contacto próximo com doentes com infeções respiratórias

Importância da lavagem das mãos 

 

Tenho de usar máscara para me proteger?
A Direção-Geral da Saúde não recomenda a utilização de máscara para proteção individual por pessoas sem sintomas (assintomáticas).

A utilização correta de máscaras é somente recomendada para:
– Pessoas doentes
– Suspeitos de infeção por COVID-19
– Profissionais que prestem cuidados a doentes suspeitos de infeção por COVID-19

2020 © Copyright, Ordem dos Engenheiros Região Norte